quarta-feira, 17 de setembro de 2014

ESCLARECIMENTOS SOBRE UM FALSO PENTECOSTALISMO QUE TEM SURGIDO

Bem, existem determinados vídeos que rolam pelo Facebook que particularmente eu evito de compartilhar, para não ser mais um que faz circular o que é ruim, mais um propagador do que não edifica.

Mas nestes dias tenho visto a propagação deste vídeo abaixo, não só no Face, como também no Wattzap, seja por cristãos ou por não cristãos. Os cristãos escandalizados tecem cometários contra as manifestações que ali ocorrem, muitos não cristãos zombam e se ridicularizam, verberando contra a Igreja do Senhor.

Então, como todo mundo já viu, me sinto na responsabilidade de fazer alguns esclarecimentos.

Primeiro, nem tudo o que acontece no meio evangélico representa, em sua totalidade, o pensamento dos demais grupos que o representam. Apesar de crermos na mesma bíblia, existem diferentes formas de se aplicar algumas verdades que vai muito além de questões de interpretação, adentrando mais uma questão de controvérsia histórica. Por exemplo, não existe uniformidade no meio cristão acerca do batismo. Os católicos e alguns reformados batizam crianças, já os pentecostais, alguns wesleyanos e o movimento batista não o fazem. Então seria correto afirmar que todo cristão batiza crianças? Não!

Então, nem todos os cristãos avalizam esse tipo de algazarra que ocorre no vídeo.

Segundo, nem esta congregação, nem as manifestações que ali ocorrem representam a parcela do evangelicalismo que ela está inserida, no caso o pentecostalismo. Apesar de alguns pentecostais, historicamente falando, terem promulgado muito o que se chama de “dança no Espírito”, percebemos que isso ocorria debaixo de uma atmosfera de temor ao Senhor, reverência e exultação. Diferente do que vemos abaixo. Pessoas descontroladas, necessitando de que fossem seguradas por outras para que não se chocassem em nada que viesse os machucar.
Porém, tais manifestações não são aceitas por todos, existindo até cláusulas em regimentos internos de denominações censurando e até mesmo proibindo que tais manifestações sejam efetuadas ou incentivadas.

Então, este video não representa também o pentecostalismo.

Terceiro, isso nunca foi a manifestação do Espírito Santo. O Espírito Santo, mesmo em suas expressões mais dramáticas e torrenciais nunca dependeu de meios humanos para agir. Vemos nesse vídeo que o “mover” só começa quando é dada uma palavra de ordem do pregador e o batuque se inicia. Uma verdadeira anarquia. Puro emocionalismo, histeria, hipnose, enfim.

Em At 2. 1-4, vemos sim o Espírito sendo derramado, pessoas transbordando de poder ao ponto de serem tidas como ébrios, falando em línguas e magnificando ao Senhor. Porém, houve um proposito, a glorificação do nome de Jesus. Mas, ai neste vídeo, onde vemos o nome de Jesus ser glorificado? Pelo contrário, o evangelho está sendo escandalizado, e o poder do Espírito sendo vendido como algo vulgar e sem o menor sentido.

Sou pentecostal. Creio na diversidade de que o Espírito age de várias formas, mas como já disse o David Wilkerson, Ele não faz “ninguém se parecer um idiota”. Quando o Espírito age, existe proposito e edificação. E para a meditação dos irmãos deixo alguns textos da palavra de Deus:
At 1.5-8; At 2.1-4; At 10. 45-46; At 19. 6; 1Co 12-14.)

Que o Senhor no guie em toda a verdade por meio do Seu meigo Espírito Santo.